A ilha que estava a beira de um desastre, então plantaram milhares de árvores

A ilha que estava a beira de um desastre, então plantaram milhares de árvores

A ilha que estava a beira de um desastre, então plantaram milhares de árvores

O grande segredo seria descobrir uma forma de tornar as florestas viáveis antes de esgotarem, porque a variedade e riqueza é muito maior, e sem custo.

O plantio de 300 mil árvores mudou a vida e a rotina dos 500 moradores da Ilha de Kokota, na Tanzânia. As informações são da revista National Geographic. Viagens de 15 horas para buscar água potável e falta de mão de obra para caçar e providenciar alimentação para a comunidade eram situações comuns para os 500 moradores da Ilha de Kokota

O problema da falta de recursos essenciais para a sobrevivência foi causado, entre outros fatores, pelo desmatamento da vegetação da ilha e pelas mudanças climáticas ao longo dos anos. Sem a sombra das árvores para atenuar o calor, o solo se tornou infértil e os rios de água corrente secaram.

Assim, a comunidade da Ilha de Kokota parecia prestes a colapsar, mas uma ajuda providencial veio da ilha de Pemba, ao leste. Em 2008, em visita a parentes em Kokota, um habitante de Pemba identificou o problema e, com a ajuda de uma ONG conservacionista, liderou a plantio de mais de 300 mil árvores em Kokota. Dez anos depois do início do plano de reflorestamento, os impactos já são sentidos.

Para mais informações pode assistir ao video da National Geographic

FONTES:

National Geographic

-https://www.bol.uol.com.br/noticias/2019/01/17/reflorestamento-de-2-milhoes-de-arvores-salva-ilha-africana-de-colapso.htm?cmpid=copiaecola

-Foto destacada: Noah Buscher

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.